HATRED A beleza da misantropia

Se você esta estressado com as pessoas ao seu redor, está querendo que todo desapareçam, ou então quer que o mundo exploda e não tem onde descontar toda essa raiva, ódio, angústia (entre outros adjetivos que simbolizam uma péssima paz de espirito), em breve vocês terão. Conheçam HATRED.

Pois é amiguinhos, nesse game vocês vão poder liberar seus lados psicóticos.

“COMO?”

Do jeito que desejar, desde que seja brutal, sanguinolento e totalmente polêmico.

HATRED é um jogo onde o personagem principal tem um terrível e mortal ódio por todo ser humano, até que num belo dia ele pegou algumas armas, saiu de casa e… Começou a atirar em todo mundo q ele via pela frente, sem mais nem menos. Simplesmente apertou o gatilho.

O meu nome não é importante. O que é importante é o que vou fazer… Detesto a merda deste mundo. E os vermes humanos que se alimentam da sua carcaça. Toda a minha vida foi ódio frio e amargo. Sempre quis morrer violentamente. Esta é a hora da vingança e não há nenhuma vida que mereça ser salva. Vou sepultar o maior número possível. Chegou a hora de matar. E a hora de eu morrer. A minha cruzada genocida começa agora.“- by: Protagonista boladão.

Você pode matar a pessoas de forma muito variados, desde fuzilamento e esfaqueamento até esmagar as cabeças com os pés (parece que to falando de Mortal Kombat :S)

Esse game foi produzido pela Destructive Creations e conta com o sistema motor da Unreal Engine 4. Os gráficos parecem estar muito lindos e sombrios.

Nas palavras dos desenvolvedores:

Nos dias de hoje, quando um monte de jogos estão se dirigindo para ser educados, coloridos, politicamente corretos e tentando ser algum tipo de arte superior, ao invés de apenas um entretenimento – nós queríamos criar algo contra tendências. Algo diferente, algo que poderia dar ao jogador um puro, prazer de jogar . Aí vem o nosso jogo, o que não faz prisioneiros e não dá nenhuma desculpa. Dizemos ‘sim, é um jogo sobre matar pessoas ‘ e que a única razão do antagonista fazer essas coisas doentes é seu ódio profundamente enraizado. O jogador tem que perguntar a si mesmo o que pode empurrar qualquer ser humano para um assassinato em massa. Nós provocamos esta questão usando a nova Unreal Engine 4, empurrando seu sistemas de física (ou melhor PhysX ) para os limites e tentando fazer o visual tão bom quanto possível. Não é uma tarefa simples, por causa da estrutura não-linear do jogo e um monte de personagens na tela. Mas aqui na Destructive Creations, somos uma equipe experiente e sabemos como lidar com o desafio!

Pela cara deles dá pra ter uma pequena ideia dos próximos jogos que estão por vir.

Então…Quem aê ta com raiva da humanidade?? >:)

alexandre

Anúncios

2 comentários em “HATRED A beleza da misantropia

  1. Saudades da época em que eu descontava a raiva atirando nas bundas alheias do medal of honor pra playstation 1 rs
    No mais, achei interessante a iniciativa do jogo, só quero ver como se dá o desenrolar do gameplay como um todo , policiais e pá.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: