As trilhas Sonoras + Jogos Eletrônicos

Sabe-se da importância da trilha sonora dos games e a sua influência no sucesso dos mesmos. Essa característica tão marcante, que enaltece as narrativas dos jogos ao longo da história não é recente, porém as trilhas sonoras não eram exatamente trilhas musicais. Os primeiros jogos não contavam com a tecnologia que temos hoje e claro, a “música” limitava-se a ruídos e barulhos.

O primeiro jogo a implementar o som como uma característica, foi o PONG, em 1972, porém esses sons indicavam apenas pequenas ações dos jogadores, algo bem simples, mas que perdurou pela década de 70.

Já na década de 80, o mercado apresentou um visível desenvolvimento e a concorrência alertava para uma demanda de aparelhos tecnológicos desenvolvidos, com isto, surgiram possibilidades de criação de samples e músicas temáticas para os jogos. Um exemplo é o PAC-MAN que ainda é conhecido pelos sons e música de abertura. Sendo assim, o papel das trilhas sonoras a cada lançamento de um jogo, se tornava mais relevante.

Com a ascensão dos jogos eletrônicos, a trilha sonora em produções audiovisuais vêm conquistado cada vez mais espaço e reconhecimento, levando em consideração o contexto atual do mercado de jogos, bem como as mudanças em relação ao perfil dos jogadores.

A partir dos anos 90, as franquias conquistaram o mercado de jogos e desde então, com a chegada da computação gráfica e os novos consoles, há sempre uma grande expectativa e com a grande circulação de capital, tivemos grandes orçamentos e grandes nomes nas equipes de produção, como Kôji Kondô, criador das trilhas sonoras da Nintendo (Mario e The Legend of Zelda) e já nessa época, podíamos perceber a consonância entre os jogos e as narrativas.
Hoje podemos contar com uma produção musical voltada para a indústria de jogos eletrônicos. Estudiosos do assunto dizem inclusive que a trilha sonora é parte crucial no projeto de um game e deve acompanhar o desenvolvimento do mesmo e ser elaborada com o máximo de atenção,  pois é ela quem vai nos indicar as nuances das narrativas, as mudanças de cenário, oscilações de humor dos personagens e etc.

Para inaugurar a nossa nova categoria, vou ilustrar o post com uma das franquias mais sensacionals, cuja OST, ainda que tenha sido sintetizada por uma microplaqueta sadia 10269987_10206522923140285_1582869906_n
o que era muito comum na época, foi capaz de inspirar dezenas de outras produções e que, ainda hoje, é dona de uma característica única. Castlevania: Symphony of the Night.

11078010_10206522905779851_1280060372_n

(leia mais sobre o jogo aqui: https://sonsofbit.com/2014/05/13/a-gloria-dos-castlevanias-nos-16-bits/)

 

Trilha sonora composta por Michiru Yamane Michiru_Yamane que já havia trabalhado com a  trilha de Castlevania: Bloodlines, e que mais uma vez trouxe para esta incrível OST, elementos de diversos gêneros musicais, inclusive variações do metal. Yamane compôs maior parte das músicas de Castlevania: Symphony Of The Night, exceto a Dance of Ilusions, Blood Relations e I’m the Wind.

A OST conta também com alguns remixes e com algumas faixas da versão da Sega Saturn, que receberam rearranjos, versões alternativas, e um vocal na música que encerra o jogo, a “I am the Wind”.

Você pode conferir essa trilha sonora e suas fantásticas 1:08:05h de pura nostalgia e bom gosto aqui:

 

Track List:

  1. Metamorphosis 1 (変容 NO.1)
  2. Prologue (プロローグ)
  3. Dance of Illusions (幻想的舞曲)
  4. Moonlight Nocturne (月下の夜想曲)
  5. Prayer (祈り)
  6. Dracula’s Castle (ドラキュラ城)
  7. Dance of Gold (黄金の舞曲)
  8. Marble Gallery (大理石の廊下)
  9. Tower of Mist (魔霧の塔)
  10. Nocturne (夜曲)
  11. Wood Carving Partita (木彫パルティータ)
  12. Door of Holy Spirits (聖霊の扉)
  13. Festival of Servants (しもべたちの祭典)
  14. Land of Benediction (終焉の地)
  15. Requiem for the Gods (神々たちのレクイエム)
  16. Crystal Teardrop (水晶のしずく)
  17. Abandoned Pit (焉道)
  18. Rainbow Cemetery (虹の墓地)
  19. Silence (静寂)
  20. Lost Painting (失われた彩画)
  21. Dance of Pales (パール舞踏曲)
  22. Curse Zone (呪いの聖域)
  23. Enchanted Banquet (魔性の宴)
  24. Wandering Ghosts (さまよえる魂)
  25. The Tragic Prince (悲境の貴公子)
  26. Door to the Abyss (深淵への扉)
  27. Heavenly Doorway (天界への扉)
  28. Death Ballad (死の詩曲)
  29. Blood Relations (異形の血族)
  30. Metamorphosis 2 (変容 NO.2)
  31. Finale Toccata (終曲トッカータ)
  32. Black Banquet (黒の饗宴)
  33. Metamorphosis 3 (変容 NO.3)
  34. I am the Wind (Featuring Cynthia Harrell)

Uma curiosidade é que o cd do jogo da versão de Playstation de Symphony of the Night, quando colocada em um cd player, apresentava uma faixa de aúdio (a segunda) com Alucard pedindo pro jogador não tocar a primeira porque continha arquivos do jogo, terminando com o filho do Dracúla soltando “Mas provavelmente você não vai me ouvir, vai?”. Em seguida, uma versão remixada do tema do jogo toca e que em algumas partes lembram muito o tema principal de The Legend of Zelda. Homenagem? Brincadeira? Quem sabe?


Até a próxima! =)

 

Stephanie

Anúncios

Um comentário em “As trilhas Sonoras + Jogos Eletrônicos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: